Iniciativa Ambiental - Artigos


INICIATIVA URBANA E YOGUE "GREEN ANGEL"
Entrevista com Anthony Strano* sobre iniciativa de agricultura urbana e yogue "Green Angel" (Anjo Verde), na BK Grécia (Setembro de 2012)
* coordenador da Brahma Kumaris na Grécia


Anthony Strano nasceu e cresceu na Austrália. Criado por uma família italiana, mora há 25 anos em Atenas, na Grécia. É Diretor dos centros de meditação da Brahma Kumaris em toda a Grécia e Hungria, além de coordenar também as atividades em Chipre e na Bulgária. Pratica meditação Raja Yoga há 35 anos e tem viajado por todo o mundo, escrevendo e conduzindo seminários e retiros. É autor de diversos livros, sendo o mais recente Seeking Silence ("Procurando o silêncio”), acompanhado do CD A Time for Healing (“Tempo para cura”), que têm sido usados como materiais para cursos, seminários e retiros sobre meditação e práticas de estilos de vida.

Junto com um grupo de jovens gregos, criou a iniciativa Green Angel (“Anjo verde”), ação que faz parte da Iniciativa Ambiental da Brahma Kumaris como forma de despertar uma consciência respeitosa para com a natureza.

A verdadeira espiritualidade tem um respeito natural pela natureza, reconhece o chamado do tempo, sente o pulso do que é necessário e é capaz de se sintonizar com aquilo. Nesta visão holística e sistêmica, tais anjos são universais, eles não carregam uma identidade, seu espírito está além de quaisquer fronteiras físicas, sua visão não vê limites e eles abraçam a vida e a natureza. Compartilhamos aqui algumas simples verdades... com espírito elevado.

As árvores parecem inspirar você. O que você vê nas árvores?

As árvores são os pulmões do planeta e nos fornecem tantas coisas. Enquanto crescendo em uma fazenda na Austrália, eu aprendi a respeitar as árvores, especialmente as árvores frutíferas que nos dão comida. Eu morava perto de uma floresta de eucaliptos gigantes e por diversas vezes eu andava entre as árvores e sentia como o ar limpo produzido por elas nos integra e nos refresca.

As árvores sempre nos deram tudo, até que em tempos recentes os metais, a eletricidade e os plásticos começaram a ser usados. Por exemplo, casas, barcos e vagões eram feitos de madeira. As árvores também nos proviam calor para o fogo, onde também podíamos cozinhar o alimento.

O que a natureza representa para você?

A natureza é como uma mãe, que nos nutre do nascimento até a morte. A natureza nos dá tudo para a nossa existência terrestre e então devemos ter respeito por ela. O corpo, feito de elementos materiais, é uma criação da natureza e assim devemos ser cuidadosos com o que comer, beber, respirar; com os tempos certos e suficientes de sono, etc. Para manter o corpo saudável precisamos cuidar dele e não apenas comer e beber qualquer coisa. A natureza também nos dá as ervas e os remédios para a cura do nosso corpo.

Você pratica meditação há muitos anos. Qual você acha que é a conexão entre nossos pensamentos e o meio ambiente?

A consciência impacta tudo. O que pensamos, criamos. O ambiente responde aos nossos pensamentos. É bem documentada a forma como as plantas respondem às pessoas que lhes são gentis e cuidam delas, em oposição àquelas que são destrutivas. Pensamento é energia e a energia circula e então toca tudo. O pensamento negativo pode causar dano e interferir negativamente. O pensamento positivo pode estimular, encorajar e sustentar. Experimentos com o cultivo agrícola têm mostrado isso. A ganância humana para produzir mais para o ganho monetário estimulou também a criação e o uso de pesticidas, que afetam não só o padrão de reprodução das plantas, mas com o tempo também envenenam o nosso corpo. Hipócrates, antigo médico grego, uma vez disse que o alimento era nossa verdadeira medicina. Agora, por causa da interferência humana, ele tem se tornado nosso veneno e por isso vemos o aumento de diferentes tipos de doenças físicas.

Quais seriam as características de um Anjo Verde?

Um anjo verde procura harmonia com o espírito e a matéria. Um anjo verde retorna às raízes da essência original do ser, tanto espiritualmente como materialmente. Um anjo verde respeita profundamente a natureza e trabalha com ela para sustentar aquilo que é original e puro na vida humana, ao corrigir padrões de alimentação, sono e comportamento. Um anjo verde facilita as coisas para retornarem à sua posição verdadeira e natural e sustenta a consciência dos equilíbrios naturais e harmoniosos entre a natureza e os seres humanos.

O respeito que os humanos dão à natureza permitirá que a humanidade floresça.

O desrespeito e a desconsideração criam desequilíbrios que prejudicam e, por fim, destróem os fios sutis que mantêm nossa existência em conjunto.

O que você acha que a natureza precisa de nós no momento atual?

Uma apreciação mais profunda de quem ela é e o que ela faz. A natureza precisa de nosso respeito assim como que nós não interfiramos nos ritmos naturais que mantêm a vida; ritmos que são destruídos pelos experimentos da humanidade por meio da ciência, como o controle do clima, engenharia genética, testes atômicos etc..

De que formas podemos dar nosso apoio à natureza?

Através de termos pensamentos positivos e compartilharmos tais pensamentos com a natureza, bem como sermos econômicos e respeitosos em nossas vidas pessoais, no uso dos seus recursos tais como a água, o alimento (ao não desperdiça-los). Não poluí-la com o uso de aditivos, produtos químicos, nem usar qualquer violência para tentar controlá-la ou direcioná–la.

Qual é a verdade interna ou mais profunda que você acredita que o ser humano perdeu?

O entendimento de como a mãe natureza nos dá e sustenta a nossa vida. Na Grécia antiga havia essa consciência, como é de hábito em culturas antigas e nativas. Essas culturas não perderam sua humildade, o respeito e nem a gratidão, enquanto que na vida moderna, de forma geral, perdemos tudo isso. Não há a sensibilidade ou a sabedoria que entende que nossos pensamentos e ações têm consequências. Agora nós nos deparamos com grandes mudanças climáticas e catástrofes naturais, mas não nos damos conta que tudo isto é consequência do mau uso da natureza e de seus recursos.

Com base em quê você acha que esta verdade pode ser restaurada?

Através da educação: tornar as pessoas conscientes de que uma vez, na maioria das culturas, houve respeito pela natureza e seus princípios. Seria interessante examinar como os índios nativos das Américas, os antigos gregos, celtas, chineses e indianos, etc. apreciavam a natureza. É necessário retornar a esse estado e iniciar uma mudança na forma como pensamos: não ter ganância por mais e mais; não poluir e desperdiçar; pensar e refletir antes de agir. Aprender que a violência provocada pelo pensamento egoísta e estreito não enxerga toda a situação e, portanto, as consequências globais de certas ações.

A consciência deste aprendizado tem acontecido, o que é bom de se ver, mas precisa crescer muito mais. Os governos têm conferências e discutem o assunto, mas geralmente não agem de forma consistente e decisiva acerca das mudanças mais profundas em relação a seus próprios países e cidadãos.


Originalmente publicado em: Blog Green Angel Initiative