Deus



O diálogo acerca de Deus perdura por séculos. Algumas pessoas menosprezam qualquer noção sobre um Deus. Alguns permanecem em reverência até a morte e, com frequência, outros dizem: “Quem se importa?”. Empresas de seguro ainda denominam “atos de Deus” os eventos como catástrofes, guerra, abuso e discriminação. Será que um Deus realmente deveria ser responsabilizado por atos humanos? E o que dizer dos erros humanos?

É possível que você tenha uma visão sobre os eventos sobrenaturais, Divinos e coincidentes que ocorrem. O que quer que outros digam ou façam, cada um de nós tem a liberdade de considerar “Deus” de uma maneira pessoal e singular ou, ao mesmo tempo, refutar a existência de um ser supremo.

Este texto foca-se em uma entidade divina e coloca o Divino absolutamente separado e acima do jogo humano, permitindo aos buscadores ter um novo olhar sobre “Deus”.

Abertura e coragem permitirão à sua mente examinar ideias alternativas de forma gentil e clara.

Segue uma seleção de práticas para você experimentar. Talvez você queira fazer anotações após cada experimento.

EXPERIMENTOS
1 - Deus é um Ser de Luz

Deus é um Ser, uma alma, um ponto de luz – uma alma que nunca foi e nunca será um ser humano. Para algumas pessoas, a palavra ‘Deus’ está carregada com memórias de medo e aversão. Alguns preferem fazer a adoração daquele Ser. Outros podem recitar Seus nomes.

A Brahma Kumaris sugere que Deus simplesmente encoraja você a ‘conectar’ sua mente àquele ponto de poder espiritual. O método simples requer que você “lembre-se” e permita tempo e espaço para que aquele Ser guie você, quer seja isso que você queira. Isso é tudo. Uma vez que você se conecte, você experimentará um raio de energia entrando por seu ser, aparentemente vindo de um reservatório infindável de paz, amor, felicidade, coragem, bem-aventurança e mais. Não há compulsão para se lembrar desta alma e nenhuma ameaça de ser condenado caso não o faça. Deus não busca ser adorado.

Experimente esta meditação sobre a Luz Suprema.


2 - Deus é a Fonte de todas as qualidades

Deus é independente da matéria e de todas as demais almas; uma entidade separada e distinta. O idioma sânscrito refere-se a esta energia como atma. Deus seria o absoluto ‘mahatma’ (grande alma). Pode ser considerado a Energia Suprema. Qualidades e virtudes são a expressão desta energia que eleva, que fluem a partir desta Fonte de todas as Qualidades – a Energia Suprema. Ficar na ‘companhia’ desta Energia Suprema permite a você banhar-se num oceano de qualidades e encontrar soluções para as questões da vida.

Experimente esta meditação sobre a Fonte de todas as qualidades.


3 - Deus está além de gênero

Deus é neutro em termos de gênero – ou, na realidade, é ambos, masculino e feminino, em um ser apenas. Portanto, nenhum pronome se adequa exatamente; tanto “Ele” como “Ela” podem ser usados. Uma vez que tal Ser é a fonte de todas as qualidades e está além de gênero, Ele(a) pode ser experimentado em diferentes relacionamentos por meio dos pensamentos e sentimentos. Assim, se preferir pensar sobre esta alma como a Mãe ou o Pai, ou em outra relação, continue a utilizar aqueles termos nas meditações. Sua experiência com o Divino pertence a você.

Experimente esta meditação sobre diferentes relacionamentos com o Supremo.


Deus é Um para todos

Ninguém é dono de Deus. Deus é energia. Nenhum sistema de crença, nenhuma religião pode reivindicar propriedade sobre o Ser Supremo, pois tal energia não é para se segurar, possuir, controlar ou capturar. Esta energia simplesmente existe. Para sempre. Às vezes a Alma Suprema é chamada de o Pai de todas as almas. Isto significa que todos estão alinhados a esta Fonte e podem conectar-se a ela. Cada um é livre para ter a conexão com o Supremo da forma e quando queira. Não há regras fixas de diálogo – apenas ter um coração aberto, disposto e verdadeiro.

Implicações para a vida

Manmanabhav é o mantra em sânscrito que disciplina a mente. Manmanabhav significa focar sua mente apenas Naquele que é o Único Supremo. É a essência de conhecimento e lembrança e é o néctar que dá vida. Manmanabhav é o método de se reconhecer o Supremo, pertencer e amar tal alma.

Em silêncio, apenas é necessário que haja você e o Supremo. Em silêncio, a alma conecta-se ao Supremo e recebe poder espiritual. Essa corrente de luz e poder é transmitida diretamente a partir do Supremo para a alma, de modo que a ‘bateria’ da alma pode ser recarregada.

O poder da pureza acumulado por um período de tempo dá força e suporte ao mundo. Você acumula pureza através do poder do silêncio.

(extraído do livro “The Story of Immortality”, por Mohini Panjabi – BKIS Publications, 2008)
Navegue nesta sessão
          

Compartilhar a página: